Prefeitura Municipal de Caeté

Painel do site
Caeté, 21 de abril de 2018 Atendimento
Você sabia? A licença maternidade de servidoras públicas foi ampliada para 6 meses
Imprimir Email

Educação

Secretaria de Educação apresenta novo material didático às professoras

por Assessoria de Comunicação

14/03/2018 17:13

Na manhã desta quarta-feira, 14 de março, a Secretaria Municipal de Educação promoveu, no salão do Canton, um encontro de professores e educadores da Rede Municipal de Ensino, para apresentar a nova coleção de materiais didáticos que serão utilizados em 2018 pelo ensino fundamental, fornecidos pela editora FTD. “Essa editora é uma das mais premiadas e tradicionais do país, com mais de cem anos de história, e produz livros didáticos de excelência”, segundo o secretário de Educação, Fábio Cornélio Filho. Antes da apresentação, o Prefeito Lucas Coelho se pronunciou aos professores, dizendo que a maior marca que seu governo deseja deixar para a Educação é olegado da inquietude” e de “melhorar as condições de trabalho de todos os professores e profissionais da Educação”. Segundo ele, sua tarefa estará cumprida, caso olhe para trás e enxergue as melhorias para a educação do município. Lucas também frisou que a colaboração dos professores é fundamental e conta com todos eles para a construção de uma educação forte e coesa em Caeté.

Em seguida, a Consultora Comercial da FTD, Patrícia Santos, realizou a entrega simbólica do material didático a duas diretoras de escolas Municipais e apresentou o Sistema de Ensino SIM, que será adotado em Caeté em conjunto com os novos livros da FTD. Segundo Patrícia, o dever da Editora FTD é contribuir nas práticas do dia-a-dia, por meio da parceria com material e soluções educacionais, realizando um trabalho em conjunto entre editora e escolas.


Ao final, aconteceu a palestra com o tema “Educação Criadora”, ministrada pelo professor de Filosofia Ailton Dias Melo, Mestre em Educação pela UFLA. De acordo com Ailton, as propostas de ensino devem ser pensadas de acordo com o ser humano, correspondendo às capacidades de cada turma e aluno. E, por consequência, a função do educador é de ser criador, da reinventar o cotidiano. O professor ressaltou que “a educação básica tem uma mania de outorgar para a universidade um poder que ela não tem, que é o de formar o ser”. E, para que no ensino básico as crianças sejam preparadas para a sociedade, é de total relevância que a educação passe a ser “olhada antropologicamente, sociologicamente e também com base nas experiências artísticas”.

Ainda segundo Ailton, os professores vivem uma rotina de muito trabalho ininterrupto, que não lhes permitem ter tempo para se reinventarem, para recomeçarem, ou seja, fazerem uma ruptura com aquilo que já conhecem e já estão acostumados a desempenhar. Para ele, as melhores ideias surgem nos momentos em que o cérebro humano se encontra em descanso e, quando temos pressa, paramos de formar processos criativos, que são importantíssimos para os profissionais que são educadores.



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página